O navio do lixo hospitalar

Chama-se Capitão Irene, navio de bandeira liberiana, que deixou o porto de Suape, sábado, levando as 46 toneladas de luxo hospitalar, que estavam armazenadas desde outubro e seriam transformadas em sulanca para setem comercializadas em Santa Cruz do Capibaribe e Toritama. O navio seguiu para Santos, depois vai a Buenos Aires para filmente seguir para o destino final, o Porto de Charleston, na Carolina do Norte, onde chegará no final de fevereiro. O reembarque foi presenciado pelos deputados federais Fernando Ferro e José Augusto Maia,

Author: admin

Share This Post On