Eduardo preferiu não entrar na briga dos rodoviários

Crédito: Nando Chiappetta/DP/D.A Press

Crédito: Nando Chiappetta/DP/D.A Press

Eduardo Campos fez bem em não entrar na briga dos rodoviários, especialmente porque no meio dela está uma disputa pela presidência do Sindicato da classe. E usou uma linguagem do futebol: “Eu não vou colocar o povo para corner. Pressão para o governo aumentar o preço das passagens é perda de tempo, garante.

 

Author: admin

Share This Post On