Recorde de público na Arena

Arena Pernambuco - Crédito: Paulo Paiva/DP/D.A Press

Arena Pernambuco – Crédito: Paulo Paiva/DP/D.A Press

O Sport mais uma vez quase mata sua torcida de raiva. Mantendo uma triste tradição de levantar defuntos, quase se complica diante do Asa, lanterninha da competição. Jogando na Arena Pernambuco, o rubro-negro conseguiu fazer 3×0 no primeiro tempo, mesmo sem mostrar um grande futebol. No segundo tempo, em 20 minutos levou dois gols do lanterninha e sofreu durante mais de 10 minutos a iminência do empate, que, para o técnico Geninho, acabaria com as esperanças do time voltar à Série A. Finalmente, aos 42 minutos, Marco Aurélio fez o quarto gol, mantendo o Sport no G4.

Mesmo com o fiasco no jogo da Sul-Americana no meio da semana, a torcida do Sport prestigiou o time. Partida teve um público de 23,5 torcedores, o maior que a Arena Pernambuco conseguiu depois da Copa das Confederações, quando passou a ter jogos do Náutico na Série A

 

Author: admin

Share This Post On