A fortuna que a Fifa ganha com a Copa do Mundo

selo de olho na copa Estimativas da FIFA revelam que um público de 3,5 bilhões de pessoas irá assistir à Copa em mais de 200 países. Isso é quase metade da população mundial. Juntas, as emissoras exibirão 73 mil horas de transmissão. É como deixar a TV ligada, direto, por oito anos.

Foto ilustrativa - Crédito: sxc.hu/Divulgação

Foto ilustrativa – Crédito: sxc.hu/Divulgação

Essa será uma Copa superlativa de números astronômicos. Foram pedidos 11 milhões de ingressos e 20 mil profissionais de imprensa foram credenciados para a cobertura, três mil a mais do que os dois últimos mundiais. Num ato de “generosidade”, a FIFA estipulou o prêmio de R$ 78 milhões para o time campeão, 37% a mais do que na Copa da África do Sul em 2010.

Arena Pernambuco vai receber jogos do campeonato - Crédito: Paulo Paiva/DP/D.A Press

Arena Pernambuco vai receber jogos do campeonato – Crédito: Paulo Paiva/DP/D.A Press

Muito pouco se compararmos ao total que será rateado entre as 32 seleções, cerca de R$ 1.272 bilhão. O lucro previsto pela empresa presidida pelo suíço Joseph Blatter está na casa de R$ 4 bilhões líquidos, graças, em parte, às benesses governamentais que isentam patrocinadores Fifa de imposto zero. Pior para nós que pagamos até 35% de impostos numa cesta básica de alimentos.

Author: João Alberto

Share This Post On