Ramiro: um imperdível show de frutos do mar em Lisboa

Fotos: JAMS/

O Ramiro

O Ramiro

 

A cervejaria Ramiro é um dos points gastronômicos de Lisboa, disparado o melhor local para se comer um bom fruto do mar. A melhor dica é ir na hora do almoço, a partir das 17h e pela noite é a certeza de encontrar longas filas(ou bichas, como chamam os portugueses), com animadas esperas, na rua mesmo. . O ambiente é despojado e os empregados, bem-humorados. A ampla sala de refeições é composta de mobília em madeira clara, um balcão ao fundo com a cozinha à vista dos comensais e, nas paredes, espelhos e um painel de azulejos pintado com motivos do mar.

O salão principal

O salão principal

No meio do salão ficam as delícias que serão preparadas e levadas à mesa como lagosta, ostra, sapateira, lavagante, santola, lagostim, camarão carabineiro, camarão tigre, caranguejo do Alaska. O que há de melhor em frutos do mar, iguarias que chegam diariamente de toda a costa portuguesa e também do Norte da África. As lagostas podem ser escolhidas vivas, num aquário.

um dos chefs do Ramiro

um dos chefs do Ramiro

O restaurante foi aberto por Ramiro Álvarez, um espanhol que herdou do pai este espaço. Transformou a antiga tasca numa cervejaria de sucesso e acabou por ganhar um diploma de “melhor tirador de cerveja” de Lisboa. O show gastronômico começa com o pão grelhado, incomparável e vai até as sobremesas. Um local que aconselho com o maior entusiasmo. É imperdível para quem está em Lisboa.  O endereço é Avenida Almirante Reis, 1H, Intendente, Lisboa, juntinho da estação de metrô Martim Moniz/Intendente. Apesar de todas as delícias, a refeição não fica muito cara. Dependendo, claro, do vinho pedido (e não se pode comer aquelas iguarias sem um bom vinho), a refeição fica em torno de 50 euros por pessoas (R$ 150).

Camarão no vapor

Camarão no vapor

camarão tigre (alto) e camarão carabineiro (em baixo)

camarão tigre (alto) e camarão carabineiro (em baixo)

Lagosta grelhada

Lagosta grelhada

Camrão a alho e óleo

Camrão a alho e óleo

aramiro1

 

 

 

 

 

 

Author: João Alberto

Share This Post On