Floyd Mayweather ganhou a Luta do Século

Floyd Mayweather/Diculgação

Floyd Mayweather/Diculgação

 

O norte-americano Floyd Mayweather ganhou a Luta do Século diante do filipino Manny Pacquiao, na madrugada de hoje, em Las Vegas. “Agradeço a Deus pela vitória e aos torcedores que vieram a Las Vegas para vê-la”, declarou Mayweather Jr. ao terminar o combate, que foi tudo menos o do “Século” e de “Todos os Tempos” como tinha sido qualificado.

Mayweather Jr. não fez nada especial no ringue, se limitou a se esquivar as tentativas de ataque de Pacquiao, que só em dois assaltos colocou em perigo o campeão invicto americano.

“Estou pronto para brigar em setembro”, destacou Mayweather, embora não tenha dito qual seria seu rival, embora seu desejo seja o de empatar a marca do lendário de Rocky Marciano que tem 49 vitórias e nenuma derrota na carreira, por isso que quem escolher não lhe criará nenhum problema. “Vou lutar mais uma vez e depois me aposento, tenho quase 40 anos, estive 18 na elite”.

Com a vitória na “Luta do Século”, Mayweather continua imbatível na carreira. O rei da ostentação tem cartel de 48 lutas e 48 vitórias e mira o recorde de Rock Marciano, que deixou o boxe invicto após 49 combates. Agora, Pacquiao tem retrospecto de 57 vitórias, seis derrotas e dois empates.

Com a vitória, Mayweather detém agora três cinturões de campeão mundial. O de meio-médio da Organização Mundial de Boxe (que pertencia a Pacquiao), o de meio-médio do Conselho Mundial de Boxe e o de médio-ligeiro da Associação Mundial de Boxe (que permanecem com Mayweather).

A “Luta do Século”, que circulou quase US$ 1 bilhão (mais de 3 bilhões de reais) e foi transmitida para 150 países, contou com a presença de celebridades de primeira linha. Michael Jordan, Andre Agassi, Mike Tyson, Denzel Washingotn, Justin Bieber, Evander Holyfield, Clint Eastwood  Beyoncé, Robert De Niro, Mark Wahlberg, , Michael Jordan, Tom Brady e Donald Trump estiveram entre as figuras ilustres na plateia em Las Vegas. Além disso, Jamie Foxx interpretou o hino norte-americano antes do tão aguardado combate.

Depois da vitória, Mayweather anunciou que vai deixar de combater por títulos, para “dar oportunidade a outros pugilistas”. A ideia é terminar a carreira com um combate que deverá acontecer em Setembro.

A lua foi acompanhada em vários bares do Recife, durante a madrugada, repetindo o que sempre acontece nos grandes duelos do UFC

 

 

Autor:: João Alberto

Compartilhe este post sobre