Odacy Amorim protesta com altos preços das passagens para Petrolina

O deputado estadual Odacy Amorim, do PT, voltou a cobrar providências à Agência Nacional de Aviação Civil, diante da falta de controle nos preços das empresas aéreas Gol e Avianca que fazem a rota Petrolina- Recife. Os preços antes praticados da forma que passageiros de várias classes sociais podiam pagar, hoje estão fora de controle, algumas custando até R$ 1.800. “Estamos voltando ao tempo que só quem podia viajar de avião eram os parlamentares e servidores públicos com passagens custeadas pelo órgão que trabalha, sendo que até aí existe um certo controle. Estamos estudando uma forma de ingressar na justiça federal contra esse abuso”, afirmou Odacy.

Foto ilustrativa - Crédito: Paulo Paiva/DP/D.A Press

Foto ilustrativa – Crédito: Paulo Paiva/DP/D.A Press

O deputado atesta que passageiros têm relatado os contastes abusos nos preços dos bilhetes como no caso da Avianca, que anunciou preço seria promocional, custando cerca de R$ 1200,00. Odacy quer saber quais os critérios que se adota para que haja tanta diferença de preço numa única rota. Ele esteve na superintendência regional da Infraero em Petrolina, adquirindo mais informações sobre o assunto e já analisa entrar com uma ação na justiça federal caso não haja mudanças no comportamento das empresas.

“Do jeito que está para as empresas aéreas está melhor do que ganhar na Mega Sena. Eu não entendo que tipo de negócio é esse onde se pratica um preço passando de R$ 99,00 para mais de R$ 1500,00 de uma hora pra outra. Não podemos deixar isso virar cultura. Se voltar ao que era antes, adeus aos mais pobres poderem andar de avião. Teve promoção para Nova York a R$ 1000,00, então temos que combater isso”, assinalou Odacy Amorim.

 

Author: João Alberto

Share This Post On