O encontro de Paulo Câmara e Armínio Fraga

Armínio Fraga e Paulo Câmara/Cecilia Ramos/Divulgação

Armínio Fraga e Paulo Câmara/Cecilia Ramos/Divulgação

Paulo Câmara teve encontro ontem, no Rio, com Armínio Fraga, quando apresentou as vantagens de Pernambuco para receber investimentos em setores estratégicos, como o de logística, indústria automotiva e energia renovável. “Pernambuco abriga centros de distribuição de multinacionais. Tem uma infraestrutura e logística muito boa entre Recife e Suape. O Nordeste é abastecido a partir do Recife”, destacou o governador.

Paulo lembrou que  o Porto de Suape vem batendo sucessivos recordes de movimentação de carga. Foram 15,2 milhões de toneladas em 2014. A previsão para 2015 é 20 milhões de toneladas. O porto pernambucano possui, hoje, 200 empresas em seu território e área de influência. E atraiu, de 2007 até aqui, R$ 50 bilhões em investimento privados.

Armínio, que conhece bem Pernambuco pelos laços de família – sua avó Leopoldina Souza Leao é pernambucana – afirmou que o Estado é uma “exceção” em meio à crise econômica. “O Estado não pode parar de investir. Pernambuco é uma exceção. É um Estado que consegue se diferenciar desse ambiente que o país vive”, afirmou o ex-presidente do Banco Central.

Paulo convidou Armínio para visitar Pernambuco. Os dois ficaram de combinar uma data em breve. “Quero conhecer a experiência em Suape. Tenho muita vontade de fazer isso. Passar dois, três dias em Pernambuco e conhecer essas oportunidades. Pode colocar uma agenda densa, governador”, pediu Armínio. Presente na reunião, o secretário de Desenvolvimento Econômico e presidente de Suape, Thiago Norões, ficou de formatar uma programação.

 

Autor:: João Alberto

Compartilhe este post sobre