TJPE entrega comendas

Crédito: Julio Jacobina / DP / D.A Press

Crédito: Julio Jacobina / DP / D.A Press

O Tribunal de Justiça de Pernambuco está completando 193 anos e as comemorações estão ocorrendo com várias solenidades nesta quinta-feira. A primeira delas foi uma missa de ação de graças, que aconteceu na Igreja da Ordem Terceira de São Francisco, no bairro de Santo Antônio. Logo depois iniciou-se a solenidade de entrega da Medalha do Mérito Judiciário Desembargador Joaquim Nunes Machado e do Diploma de Honra ao Mérito, que aconteceu no Salão de Sessões Desembargador Antônio de Brito Alves, no Palácio da Justiça.

Crédito: Julio Jacobina / DP / D.A Press

O presidente Frederico Neves entrega honraria ao governador Paulo Câmara. Crédito: Julio Jacobina / DP / D.A Press

A Medalha do Mérito Judiciário Desembargador Joaquim Nunes Machado é a mais alta condecoração instituída pela justiça estadual. Ela é dividida em quatro graus: o Grão-Colar, Grande Oficial, Comendador e Cavaleiro. Este ano foram homenageados na categoria Grão-Colar o Comandante Militar do Nordeste, general Manoel Luiz Narvaz Pafiadache; o governador de Pernambuco, Paulo Câmara; o presidente do Tribunal de Contas do Estado de Pernambuco, conselheiro Valdecir Fernandes Pascoal; e os desembargadores Márcio Aguiar, Humberto Vasconcelos Júnior, Waldemir Tavares e José Viana Ulisses Filho. Nesta sexta-feira, será o Grão-Colar será entregue ao presidente do Supremo Tribunal Federal, o ministro Ricardo Lewandowski, que não pode comparecer na sessão desta quinta.

Crédito: Julio Jacobina / DP / D.A Press

Crédito: Julio Jacobina / DP / D.A Press

A categoria Grande Oficial foi conferida ao deputado estadual Antônio Moraes; à presidente da Academia de Artes e Letras de Pernambuco, Maria Teresa Netto de Magalhães Melo; e ao procurador do Estado e professor da Faculdade de Direito do Recife, Leonardo Carneiro da Cunha.

Crédito: Julio Jacobina / DP / D.A Press

Crédito: Julio Jacobina / DP / D.A Press

O Grau de Comendador foi recebido pelos juízes Gustavo Valença, Alexandre Freire Pimentel e Sílvia Maria de Lima Oliveira; o procurador geral de Justiça Carlos Augusto Guerra de Holanda; o professor José Fernando Simão; o advogado Arthur de Oliveira Carvalho; e o magistrado Marcos Antônio Tavares de Albuquerque.

Author: Taís Machado

Share This Post On