Ivete não deixou ninguém parado no Segura a Seringa

Crédito: Roberto Ramos/DP

Crédito: Roberto Ramos/DP

Por Wagner Oliveira

Um pavilhão lotado se rendeu ao carisma e à animação da musa do axé. A cantora Ivete Sangalo não deixou ninguém parado quando subiu ao palco do Centro de Convenções pouco depois da meia-noite para comandar a festa do bloco Segura a Seringa, do Hospital Português. Com a música Tempo de Alegria, Ivete deu início à apresentação que durou mais de duas horas e deixou os fãs eufóricos. No repertório, músicas novas, antigos sucessos e até canções de Wesley Safadão, As Coleguinhas e Claudia Leitte.

Depois de andar por todos os lados da passarela montada em frente ao palco e cumprimentar os fãs, Ivete disse que já estava com saudades de fazer show no Recife e convocou todo mundo para assistir ao seu show na terça-feira de carnaval, no Parador, no Bairro do Recife. Durante toda a apresentação do furacão baiano, foi difícil encontrar alguém parado. Ivete é daquelas artistas que agrada públicos de todas as idades. Ela canta, dança, brinca e encanta.

Apesar de todo esquema de segurança, dois fãs ainda conseguiram subir no palco para tentar abraçar a cantora. O primeiro foi pego por um segurança antes de chegar perto da cantora e colocado de volta no chão. Ivete foi até a ponta do palco e falou com o fã. Foi aplaudida pelo público pelo gesto de carinho com o rapaz que havia acabado de ser barrado pelos seguranças. O segundo aproveitou esse momento e também subiu no palco. Foi agarrado pelo segurança e ambos acabaram caindo quase por cima de Ivete.

Crédito: Roberto Ramos/DP

Crédito: Roberto Ramos/DP

Passada essa euforia, a artista chamou três fãs para dançar frevo com ela no palco. Felipe, Fábio e Gabriela dançaram, cantaram, abraçaram e tiraram fotos com a artista. No entanto, quando Fábio começou a cantar e dançar Ivete ficou surpresa com a desenvoltura do fã. “Ele mandou muito bem. Tava quase morrendo, mas dançou muito”, disse Ivete. O blog conversou com Fábio que estava muito feliz por ter sido elogiado por Ivete. “Já perdi as contas de quantos shows dela eu fui, mas nunca tinha subido no palco e ficado tão perto de Ivete”, comentou Fábio.

Quem encerrou a noite foi a banda Timbalada, que também animou o público que resistiu até o final da festa. Quem compareceu ao evento já estava no clima de carnaval. Alegria foi só o que se viu no pavilhão do Centro de Convenções. Antes de Ivete e de Timbalada, o cantor Almir Rouche aqueceu os foliões do Segura a Seringa. Agora é só esperar pela próxima edição, em 2017.

Confira a cobertura completa do Segura a Seringa clicando aqui.

Autor:: Thayse Boldrini

Compartilhe este post sobre