Uma mentira que vai custar muito caro

Ryan Lochte/TV Globo/Dicvulgação

Ryan Lochte/TV Globo/Dicvulgação

O nadador norte-americano Ryan Lochte, principal figura negativa da Rio 2016, ao inventar um assalto, fatura US$ 16 milhões (R$ 52 milhões) de publicidade por ano. Com o vexame, vai perder algumas delas. A Speedo, marca de material esportivo, que patrocinava o nadador há 10 anos, foi a primeira a suspender oi contrato. Também a Rlph Lauren anunciou que vai retirar o patrocínio ao atleta. Ele também vai perdir o patrocínio da fábrica de colchões Airweave da Syneton Candela, empresa de depilação. Ele está com novo visual, com os cabelos pintados.

Autor:: João Alberto

Compartilhe este post sobre