Bate-bola com Luíza Nogueira

A arquiteta Luíza Nogueira, esposa do vice-governador Raul Henry, foi a convidada desta semana da seção bate-bola da Coluna João Alberto. Confira:

Luiza Nogueira - Crédito: Nando Chiappetta/DP/D.A Press

Luiza Nogueira – Crédito: Nando Chiappetta/DP/D.A Press

Como a arquitetura chegou até você?
Foi uma gosto que veio desde pequena. Sempre gostei de brincar, planejar,
tudo que envolvia casa, fluidos, formas e cores. Foi algo que surgiu nas
brincadeiras de criança.

Janete Costa - Crédito: Juliana Leitão/DP

Janete Costa – Crédito: Juliana Leitão/DP

Uma pessoa que a inspira?
Janete Costa. Tive a oportunidade de trabalhar no escritório dela e sempre a
achei uma pessoa diferenciada neste universo profissional e também como ser
humano.

Um momento inesquecível?
O nascimento dos meus filhos  Tom e Davi. Foi algo mágico, indescritível. Um momento único realmente.

Crédito: Thayse Boldrini / DP

Crédito: Thayse Boldrini / DP

Um hobbie?
Gosto de bater papo com os amigos, de viajar, conhecer locais diferentes. Sempre que viajo, pesquiso muito, gosto de conhecer  lugares exóticos. Isso tenho muito em comum com Raul (Henry). A viagem mais legal que fomos foi ao Quênia e Tamsânia, na África.

Crédito: Nando Chiappetta/DP/D.A Press

Crédito: Nando Chiappetta/DP/D.A Press

Um desejo?
Sou uma pessoa muito religiosa. Então, meu desejo é ter sempre paz interior,
bon fluidos, bons momentos para mim, a minha família, ter sempre saúde e paz.
Tendo isso, a gente tem tudo; o resto a gente consegue com trabalho e
esforço.

Um livro de cabeceira?
Tenho sempre a bíblia ao meu lado. Já amanheço lendo. Quando tenho mais
tempo, leio o envagelho do dia. Já começo a manhã energizada. Também estou
relendo o livro “O amor nos tempos do cólera” de Gabriel García Marquez.

Autor:: Tatiana Sotero

Compartilhe este post sobre