Sem aplausos dos companheiros de partido

Eduardo Suplicy - Crédito: Waldemir Barreto/Agência Senado

Eduardo Suplicy – Crédito: Waldemir Barreto/Agência Senado

Eleito vereador de São Paulo com a maior votação da história, Eduardo Suplicy está magoado. Nenhuma liderança do PT, seu partido, telefonou dando os parabéns, nem Lula, nem Dilma, nem Rui Falcão. Já um dos primeiros a ligar foi João Dória.

Autor:: João Alberto

Compartilhe este post sobre