Um erro repetido

Terminal Marítimo de Passageiros do Recife/Divulgação

Terminal Marítimo de Passageiros do Recife/Divulgação

O primeiro terminal marítimo de passageiros do Recife foi construído no Marco Zero. Quando ficou pronto, descobriu-se que os navios não podiam atracar lá, por falta de calado. Depois, foi construído o segundo, que é bonito, custou R$ 28 milhões e fica no Armazém 7. E o erro se repetiu: os navios de passageiros também não podem atracar lá. Resultado é que são obrigados a ficar no Armazém 5, que tem o calado suficiente. Os passageiros têm que usar ônibus para chegar ao terminal. Isto encarece muito os custos para os navios, que têm preferido atracar nos portos de Salvador e Fortaleza.

Navio da Linea C/Divulgação

Navio da Linea C/Divulgação

Autor:: João Alberto

Compartilhe este post sobre