A proposta do ministro Barroso

O ministro do STF – Supremo Tribunal Federal – Luís Roberto Barroso, enviou para o plenário do Supremo uma prerrogativa para decidir o foro privilegiado de ministros, senadores e deputados. Ele quer uma diferenciação entre os crimes cometidos antes ou durante do exercício do cargo. Explicando: acusações sobre ações ocorridas antes do político assumir, mesmo que reveladas durante o mandato, poderiam ser julgadas em instâncias inferiores.

Crédito: Agência Brasil/Divulgação

Crédito: Agência Brasil/Divulgação

Author: João Alberto

Share This Post On