Roberto Carlos encantou público no Classic Hall e revelou: “Nunca havia feito uma música por encomenda”

Por Wagner Oliveira/Especial para o Blog João Alberto

Crédito: João Vitor Alves/Divulgação

Crédito: João Vitor Alves/Divulgação

Roberto é daqueles artistas que agrada a todos. Difícil encontrar alguém que não seja fã do rei ou que não saiba cantar uma de suas músicas. Parte desse público apaixonado esteve, na noite desse sábado, no Classic Hall, para acompanhar a segunda e última noite de show do artista no Recife.

Em quase duas horas de apresentação, Roberto Carlos relembrou sucessos da sua carreira e cantou duas canções novas, Sereia, composta especialmente para a novela da rede Globo A força do querer, e Chegaste, gravada com Jennifer Lopez.

Crédito: João Vitor Alves/Divulgação

Crédito: João Vitor Alves/Divulgação

“Nunca havia feito uma música por encomenda, mas a Glória Perez me telefonou e pediu que fizesse uma música para a personagem de Isis Valverde. Logo a Isis Valverde. Imaginem como eu fiquei depois de escrever a letra. Além disso, foi um prazer gravar com Jeniffer Lopez, que é uma excelente pessoa, simpática e ainda canta”, brincou.

Com as tradicionais roupas nas cores azul e branco, Roberto subiu ao palco pouco depois das 23h e a primeira música cantada por ele na noite foi Emoções. O público já estava com os telefones celulares preparados para iniciar as fotos e vídeos, que foram registrados durante todo o show.

Crédito: João Vitor Alves/Divulgação

Crédito: João Vitor Alves/Divulgação

Entre os hits consagrados ao longo dos anos de carreira do rei estiveram Além do Horizonte, Detalhes, Outra Vez, Sua Estupidez, Quero que vá tudo pro inferno, Se você pensa, Mulher Pequena e Jesus Cristo. Antes de iniciar a canção Outra Vez, Roberto pediu palmas para Isolda, autora da música que se tornou um dos seus maiores sucessos.

Crédito: João Vitor Alves/Divulgação

Crédito: João Vitor Alves/Divulgação

Antes de encerrar o show, Roberto Carlos apresentou toda a sua banda, conversou com os fãs e, antes de deixar o palco, jogos dezenas de rosas para o público. Uma faixa aberta em frente ao palco dizia que Roberto Carlos era a segunda maravilha do mundo. A primeira, segundo a autora, era Jesus Cristo. O recado era acompanhado de um pedido para o registro de uma foto. E, mais uma vez, a passagem do rei Roberto Carlos pelo Recife foi com casa lotada.

Crédito: João Vitor Alves/Divulgação

Crédito: João Vitor Alves/Divulgação

Confira trechos do show:

 

Roberto Carlos encantando o público com Detalhes em show no Classic Hall.

Uma publicação compartilhada por blogjoaoalberto (@blogjoaoalberto) em

Author: Thayse Boldrini

Share This Post On