Paulo Câmara entrega mais alta comenda do Estado a Francisco Brennand

A manhã de hoje foi especial para o artista plástico Francisco Brennand. O governador Paulo Câmara, acompanhado da primeira-dama Ana Luiza, o entregou a Medalha do Mérito Guararapes – Grã Cruz, o mais alto grau de comenda concedida pelo Estado a uma personalidade. A entrega foi pessoalmente ao artista, no Museu e Oficina Francisco Brennand, na Várzea. Paulo destacou que esta era uma justa homenagem a um pernambucano que é referência no Brasil e tornou-se um momento mais simbólico pela passagem do aniversário de 90 anos do homenageado, comemorado no último dia 11 de junho.

Crédito: Roberto Pereira/SEI

Crédito: Roberto Pereira/SEI

“Esta é nossa singela homenagem por tudo o que Francisco Brennand representa com sua arte para nós pernambucanos e brasileiros. Como sempre falo, Brennand é um artista completo”, relatou o governador. Ana Luiza ressaltou que o trabalho do “mestre”, como o artista também é carinhosamente chamado, contribuiu para elevar ainda a vocação do Estado para a arte e a cultura. “O conjunto de sua obra é muito representativo não só para nosso Estado, mas para o País”, concluiu.

“Agora eu não tiro mais essa medalha!”, Brennand brincou ao agradecer ao governador a homenagem. O homenageado aproveitou para falar sobre seus projetos, como uma exposição que prepara especialmente para a Flip, em Paraty (RJ), com curadoria de Olívio Tavares, em julho deste ano.

Junto com Brennand, Paulo Câmara relembrou que hoje é o aniversário de 90 anos do escritor Ariano Suassuna, de quem o artista plástico era muito amigo. “Nós estudamos juntos no Colégio Oswaldo Cruz. Nossa amizade começou ali e me surpreendeu ele conhecer sobre pintura. Ele lia livros sobre pintura. Eu , ele e minha mulher, Débora. Estudávamos todos juntos”. O artista plástico estava acompanhado de duas filhas, Neném e Maria Helena.

A Medalha da Ordem do Mérito Guararapes foi instituída pelo Decreto Nº 4.891, de 20 de janeiro de 1978, e de acordo com o Regulamento aprovado pelo Decreto Nº 6.380, de 9 de abril de 1980, alterado pelo Decreto nº 30.661, de 1º de agosto de 2007.

Author: Júlia Molinari

Share This Post On