“Acho que as crianças com microcefalia estão esquecidas”, afirma Jacyra Salsa, do Projeto Anjos

Jacyra Salsa é idealizadora do Projeto Anjos. Crédito: Ricardo Fernandes/DP

ENTREVISTA// Jacyra Salsa,  idealizadora do Projeto Anjos, destinado às crianças com microcefalia 

Como surgiu o Projeto Anjos? 
Eu conheci uma moça chamada Mirian, que lutou na Justiça pela guarda de uma criança, a Duda, com microcefalia. Me apaixonei pela história. Eu gosto de fazer trabalhos sociais, mas eu sonhava em fazer algo maior, que pudesse 
ajudar pessoas com muita dificuldade. Dedici me juntar a uma amiga, Ana Sílvia Moutinho, diretora da Focca, e nós criamos o Projeto Anjos para ajudar essas crianças. A primeira ação foi destinada à arrecadação de fraldas e conseguimos dois caminhões. 

Como funciona? 
É um projeto apoiado pela CDL, pela minha empresa Real Energy, pela Focca e amigos que me ajudam. Nós que sustentamos, só recebemos doações. O prefeito de Olinda, Professor Lupércio, também vai passar a ajudar. Eu tinha vontade de abrir uma casa de reabilitação e agora em dezembro vamos inaugurar, com a ajuda da prefeitura. Eu ainda estou atrás de parceiros para montar a casa com equipamentos e para se manter. 

Por que vocês resolveram trabalhar na causa da microcefalia? 
Porque eu acho que é uma causa que agora está um pouco esquecida. No início, houve uma explosão de informações, mas depois as crianças ficaram de lado. Não existem muitas políticas públicas e eu decidi ajudar por ser uma causa que é a que eu mais via necessidade. Daqui a um tempo, como será essa criança, que hoje tem dois anos? E essas mães já são muito sofridas. Criar uma criança com boa saúde, sem recursos, já é difícil. Imagina uma criança que tem convulsões, que não escuta, não fala, toma remédios controlados, usa mais fraldas que o normal, o leite é caríssimo… É toda uma problemática em cima dessas mães. 

Como vai funcionar a casa de reabilitação? 
A casa terá nutricionista, psicólogo para as mães, fisioterapeutas, assistente social… Professores da Faculdade São Miguel também vão participar dando aulas. Será localizada em Bairro Novo, em Olinda. Vai funcionar para as crianças do Projeto Anjos e, a princípio, creio que serão apenas as de Olinda. É um trabalho muito grande, ainda não sabemos qual será a capacidade. 

Author: Júlia Molinari

Compartilhe este post