Exercícios para 2018: Modalidades que estão em alta no mundo fitness e saiba onde encontrá-las no Recife

Por Yasmin Nascimento e Eduarda Andrade

A prancha de treinamento SurFitness foi projetada para imitar os movimentos de surf sem o oceano durante exercícios físicos em grupo ou individualizados – Crédito: Divulgação/adrianegalisteu.com.br

Já imaginou realizar um treino em cima de uma prancha de surf?E o que acha em misturar natação com práticas funcionais? Exercícios respiratórios que prometem melhorar o seu condicionamento físico?  Estamos falando de Cross Swim, Mindfulness e Surfitness, algumas das novas modalidades do mundo fitness. 

Segundo relatório divulgado pela Pluri Consultoria, o mercado voltado ao corpo teve um crescimento de 22% no ano de 2016, isso equivale a 1,9% do PIB. A expansão desse segmento trouxe consigo a evolução das atividades físicas, fazendo surgir diversas opções de treinamentos que têm como objetivo não só desenvolver um melhor condicionamento físico, mas também evoluir a qualidade de vida dos adeptos. Segundo Cassiano Vasconcelos, personal trainer requisitado na cidade, o segredo está atrelado a uma questão de público. Ele esclarece que as novas práticas foram uma forma em que as academias encontraram para aumentar os adeptos atendendo a diferentes perfis.

O personal trainer Cassiano Vasconcelos com a aluna, a blogueira Camila Coutinho – Crédito: Reprodução do Instagram

Com isso, os profissionais da área dedicam-se a estudar e desenvolver novas atividades que geralmente não apresentam mudanças extremamente profundas em sua realização, mas prometem resultados inovadores. De acordo com pesquisa realizada pela ACSM Worldwide Survey, o Hiit Orange Zone – desenvolvida na Cia Athletica, no Recife – ocupa o primeiro lugar no ranking de tendências fitness 2018. A atividade envolve a utilização de esteiras, remadores e exercícios funcionais, além de TRX, step, halteres e colchonetes. “A aula é bem dinâmica, você consegue fazer seu monitoramento ao mesmo tempo em que faz a aula, consegue queimar gordura até 72 horas após seu término e ainda controla os batimentos cardíacos”, revela Lúcia Helena Amaral, praticante dessa modalidade desde setembro do ano passado, período em que o exercício chegou na cidade. Além do Orange Zone, o Air Bike, da academia R2, e o Peak 12, da Bodytech, também entram em destaque no Recife.

Rodrigo Sangion, especialista em musculação e condicionamento físico, fundador da badalada academia Les Cinq Gym, em São Paulo – Crédito: Proof/Divulgação

Um dos entusiastas dessas atividades inovadoras é Rodrigo Sangion, fundador da academia Les Cinq Gym e especialista em musculação e condicionamento físico. Foi ele quem trouxe ao Brasil o Surfitness, sendo a primeira academia a aderir a prática no país. “Treinamento não é receita de bolo, que é igual para qualquer pessoa. Eles devem ser montados de acordo com a necessidade e limites físicos e biológicos de cada um”, ressaltou.

Para aqueles que têm interesse no assunto, conversamos com especialistas e praticantes das novas modalidades que estão entre as mais procuradas nas academias, confira:

Hiit Orange Zone

Esse exercício também melhora a capacidade cardiovascular e a força –  Crédito: Cia Atlhetica/Divulgação

De acordo com pesquisa realizada pela ACSM Worldwide Survey, essa modalidade ocupa o primeiro lugar no ranking de tendências fitness 2018. Esse tipo de exercício foi desenvolvido para promover o emagrecimento e fortalecer os grupamentos musculares. A atividade envolve a utilização de esteiras, remadores e exercícios funcionais, além de TRX, step, halteres e colchonetes.

“Meu objetivo ao entrar na aula de Hiit, era o que a modalidade propõe, perder gordura corporal. A aula é bem dinâmica, você consegue fazer seu monitoramento ao mesmo tempo em que faz a aula, consegue queimar gordura até 72 horas após seu término e ainda controla os batimentos cardíacos. Além de praticar exercícios variados como funcional, esteira e remo. É uma prática pesada e longa [1 hora de duração], e se não houver uma alimentação aliada aos exercícios você não consegue perder gordura”, revela Lúcia Helena Amaral, praticante dessa modalidade desde setembro do ano passado, período em que o exercício chegou no Recife.

Surfitness

A instabilidade do equipamento aumenta seu equilíbrio na hora de ficar em pé – Crédito: Big1News/Divulgação

Inspirado nos movimentos dinâmicos do surf, esse exercício tem três sub-divisões. O estilo power, combina força, exercícios aeróbios, velocidade e equilíbrio, sempre utilizando elásticos adaptados e remos de prancha. Já o aéreo foca na alta intensidade, com movimentos pliométricos e exercícios de força com o peso do corpo, tendo como objetivo principal queimar calorias. E o flex, ajuda a desenvolver a flexibilidade do corpo, com alguns movimentos do pilates e yoga, potencializando ainda mais o alongamento do corpo.

Crédito: Divulgação/adrianegalisteu.com.br

Famosa entre celebridades como Bruna Marquezine, Fernanda Souza, Cleo Pires, Bruno Gagliaso, Claudia Raia, e outros,  a academia Les Cinq Gym, localizada em São Paulo, foi a primeira a aderir a prática no país. Segundo Rodrigo Sangion, fundador do espaço e especialista em musculação e condicionamento físico, “surfitness é uma prancha de estabilidade que simula o surf fora da água, onde a gente prepara a pessoa que quer aprender a surfar ou melhorar seu desempenho – se já for um praticante – utilizando exercícios que fortalecem a musculatura exigida durante sua realização. No fim da aula, intensificamos o ritmo um pouco mais, melhorando o condicionamento físico da pessoa, fazendo com que ela tenha um gasto calórico acima de 600 calorias, ajudando na coordenação motora e equilíbrio”, explicou.

Ele afirma, que apesar dos novos treinos, o segredo para manter o corpo em forma em um curto espaço de tempo está atrelado a união entre a alimentação e prática regular de exercícios físicos. Rodrigo ressalta que ter disciplina e determinação é essencial para alcançar o objetivo desejado e enfatiza a importância de um acompanhamento profissional, chamando atenção para aqueles que trabalham online: “O Instagram serviu para motivar as pessoas a cuidarem de seu corpo, tendo outros como espelho. Agora, a partir do ponto que um profissional, que não é da área, resolve dar aula, o que ele tá mostrando lá é o treino dele, não se deve repetir. Treinamento não é receita de bolo, que é igual para qualquer pessoa. Eles devem ser montados de acordo com a necessidade e limites físicos e biológicos de cada um”

Peak 12

O peak 12 pode ser feito em conjunto com qualquer atividade. Crédito: Pixabay

Esse exercício foi desenvolvido dentro do treinamento HIIT, colocando os exercícios funcionais dentro da sala de musculação. Tem duração de 12 minutos e funciona com circuito de zonas (cárdio, power, agility, core) e cada uma tem duração de 30 segundos, intercalando com 30 segundos de intervalo. No Recife, essa modalidade será lançada, em breve, na academia Bodytech, na segunda quinzena do mês de março. 

Cross Training

O cross training procura trabalhar com movimentos amplos, naturais e funcionais – Crédito: iStock

Nesta modalidade, duas ou mais atividades são combinadas, com exercícios mais intensos, gerando alto gasto calórico. O praticante irá utilizar e fortalecer diferentes grupamentos musculares. Além disso, os exercícios de cross training trazem benefícios como maior equilíbrio muscular, resistência no sistema cardiorrespiratório e emagrecimento.

Cross Swim

Cada bloco tem quatro minutos, com um minuto e meio de descanso entre eles – Crédito: Suzana Castro/Cia Atlhetica

A modalidade combina exercícios funcionais  – burpee, salto no step, TRX e bola medicinal – com tiros de crawl e um baixo número de repetições. O praticante terá como benefícios o emagrecimento e melhoria na aptidão aeróbia, desenvolvendo resistência, potência e força muscular.

LPO

Esse exercício dá ao aluno um aumento considerável de força e potência muscular. Crédito: iStock

O levantamento de peso olímpico é essencial para os adeptos a malhação, mais ainda para os praticantes de CrossFit. O objetivo principal desta modalidade é melhorar o desempenho, a força, a velocidade, a potência e a flexibilidade durante os treinos, gerando resultados mais eficazes. 

Mindfulness

Prestar atenção aos acontecimentos do dia a dia é essencial – Crédito: iStock

Esse exercício é para aqueles que não conseguem ter concentração no dia a dia. O treinamento visa aprimorar a atenção com exercícios diários para desenvolver o foco. A prática melhora a produtividade e o autocontrole, além de diminuir a ansiedade e o estresse. Existem duas maneiras de realizar essa modalidade, a primeira é com a clássica meditação e a segunda é apenas prestar atenção em ações que você realiza durante todos os dias.

Flying Dance

Esse exercício é bastante lúdico e dançante. Crédito: VejaSP/Divulgação

Com equipamentos de bungee jump, os praticantes desafiam a gravidade com um mix de saltos, flexões e piruetas, queimando aproximadamente 400 calorias em uma hora. Esse exercício ainda mistura movimentos de balé e pilates.

Air Bike

Essa modalidade não gera impacto nas articulações –  Crédito: Shutterstock

Essa modalidade tem uma grande queima de calorias graças à combinação da velocidade e da intensidade dos treinos. O exercício é feito com uma bicicleta convencional e o diferencial é utilizar as mãos para auxiliar e gerar mais potência ao movimento, deixando o treino mais intenso, combinando o trabalho dos membros superiores e inferiores em um único exercício. Os pernambucanos podem desenvolver este exercício na academia R2. 

Crédito: Nino Andrés/Boa Forma

O personal trainer Cassiano Vasconcelos, responsável por treinar nomes como a blogueira Camila Coutinho, explicou que algumas das modalidades citadas acima ainda não foram lançadas no Recife.  “De acordo com as tendências que vamos vendo não só em Recife, mas em São Paulo e em outros países, cada vez mais as pessoas estão buscando ter uma vida mais saudável e equilibrada. Durante muito tempo vivemos uma procura exacerbada por construir uma vida voltada à carreira profissional e não se tinha tempo para cuidar da saúde. Hoje, vejo muito uma tendência para buscar o equilíbrio mental e físico. Acredito que daqui para 2020 algumas atividades vão tender para conciliar esses dois pilares”, alegou. 

Muitos treinos surgiram para atender às necessidades de um público mais diverso, fazendo com que a aula ficasse cada vez mais específica para aquele praticante. “As pessoas fogem muito da rotina enfadonha da musculação, haja vista que os box e crossfit tem aumentando muito. É uma tendência que os adeptos de exercícios procurem por atividades mais dinâmicas, que não os deixem ligados a um aparelho. Exercícios que exigem força muscular, controle respiratório, por exemplo. Todas essas atividades mencionadas têm um perfil parecido, onde o aeróbico e o anaeróbico são praticamente utilizados na mesma hora, o chamado misto”, completou. 

 

Compartilhe este post