Italiano e catariano abandonam desempate e decidem dividir ouro no salto em altura

Foto: Reprodução/Internet

Pela primeira vez desde 1912, dois competidores dividem o topo do pódio. A final do salto em altura dos Jogos Olímpicos rendeu muitas emoções e mostrou, na prática, como funciona o espírito de atleta. O italiano Gianmarco Tamberi e o catari Mutaz Essa Barshim fizeram história ao empatarem, com saltos de até 2,37 metros e decidirem compartilhar o ouro.

Depois de uma competição acirrada, que durou mais de duas horas, os dois atletas foram avisados do empate e que poderiam dividir o topo do pódio a arriscar ficar com a prata, caso insistissem em tentar saltar a 2,39 metros. No entanto, a decisão foi aparentemente fácil: os saltadores se olharam, concordaram e entraram para a história compartilhando a medalha.

Um dos juízes chegou a sugerir que eles tentassem o desempate para definir o vencedor, foi quando Barshim questionou: ”Podemos ter dois ouros?

Confira registros do momento:

Author: Lara Calábria

Compartilhe este post

Escreva um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.