A reabertura do Palácio das Princesas

Fachada do Palácio do Campo das Princesas está agora mais amarela - Crédito: Nando Chiappetta/DP/D.A Press

Fachada do Palácio do Campo das Princesas está agora mais amarela – Crédito: Nando Chiappetta/DP/D.A Press

O Palácio do Campo das Princesas reabriu na noite desta sexta-feira com uma benção do Arcebispo de Olinda e Recife, Dom Fernando Saburido. Bem iluminada, a fachada do prédio, que passou quase dois anos em reforma, estava ainda mais imponente. Após a bênção, Renata e Eduardo Campos conduziram um grupo de convidados e fez a primeira visita oficial ao local. O passeio foi transmitido ao vivo por dois telões nos jardins do palácio, para que os demais convidados pudessem acompanhar.

José, filho de Renata e Eduardo campos, fez questão de participar da visita guiada dentro do palácio - Crédito: Nando Chiappetta/DP/D.A Press

José, filho de Renata e Eduardo campos, atento à bênção de Dom Fernando Saburido – Crédito: Nando Chiappetta/DP/D.A Press

“Para que essa obra fosse finalizada com sucesso, foi necessário o esforço de 500 pessoas durante um ano e seis meses. Além disso, 50 jovens pernambucanos foram treinados na arte do restauro. Deste total, 40 estão empregados”, discursou o governador. O projeto, que contempla a restauração e modernização de todo o complexo, foi orçado em R$ 30,6 milhões e contou com o patrocínio das empresas OI, Fiat, Bradesco, Construtora Odebrecht, Banco Pactual e Chesf. Os recursos aplicados na obra foram captados pelo Governo de Pernambuco, através da Lei Rouanet.

Discursos na inauguração do palácio - Andréa Rêgo Barros/PCR

Discursos na inauguração do palácio – Andréa Rêgo Barros/PCR

O projeto resgatou os aspectos originais do edifício, que é do século 19. Destaque para a cor predominante do palácio, que voltou, segundo os restauradores, a ser amarelo, como em 1841. Haviam paredes que tinham até 22 camadas de tintas. “Com a restauração, descobrimos novos espaços e ainda adequamos o local às novas regras de acessibilidade”, discursou Eduardo.

Renata e Eduardo Campos - Crédito: Nando Chiappetta/DP/D.A Press

Renata e Eduardo Campos – Crédito: Nando Chiappetta/DP/D.A Press

O evento de reabertura contou com a presença de todos os políticos do PSB cotados para disputar o governo do estado: Danilo Cabral, Tadeu Alencar, Maurício Rands, Paulo Câmara e Fernando Bezerra Coelho. Dos ex-governadores prestigiaram Mendonça Filho (DEM) e Roberto Magalhães. Todos os filhos do governador também prestigiaram, inclusive Miguel, que nasceu há 17 dias. O buffet da Arcádia teve entre os destaques um pudim de bacalhau e nos doces, uma variedade de delícias regionais. A decoração ficou sob a batuta de Robson Chagas.

Cristina e Geraldo Julio - Crédito: Nando Chiappetta/DP/D.A Press

Cristina e Geraldo Julio – Crédito: Nando Chiappetta/DP/D.A Press

Crédito: Nando Chiappetta/DP/D.A Press

Zélia e Ariano Suassuna – Crédito: Nando Chiappetta/DP/D.A Press

A bela escadaria que dá acesso ao andar onde fica o gabinete do governador - Crédito: Nando Chiappetta/DP/D.A Press

A bela escadaria que dá acesso ao andar onde fica o gabinete do governador – Crédito: Nando Chiappetta/DP/D.A Press

O projeto de restauração começou em 2011, quando uma equipe de pesquisadores iniciou uma busca, com vários profissionais, para verificar as transformações que o prédio havia sofrido com o passar dos anos. O governador relatou que durante essa pesquisa, descobriu-se que a mais importante intervenção que o edifício tinha sofrido foi na década de 1920, quando o prédio ganhou o segundo andar. “Então, o objetivo desse projeto foi recolocar o Palácio como era no início do século passado”.

Crédito: Nando Chiappetta/DP/D.A Press

O Salão dos Banquetes – Crédito: Nando Chiappetta/DP/D.A Press

Crédito: Nando Chiappetta/DP/D.A Press

Crédito: Nando Chiappetta/DP/D.A Press

Um detalhe interessante é que todas as obras de arte e os móveis do palácio foram minuciosamente recuperados. E a reforma não para. Os quatro outros prédios anexos serão entregues até dezembro deste ano.

Crédito: Nando Chiappetta/DP/D.A Press

Crédito: Nando Chiappetta/DP/D.A Press

Um outro ponto importante é que a acessibilidade foi contemplada pelo projeto. Foram instalados dois novos elevadores, enquanto os outros dois originais foram renovados e modernizados. Também foram construídas rampas de acesso, banheiros acessíveis e um sistema de comunicação para pessoas com deficiência visual e auditiva. Todas as mudanças também foram feitas observando a eficiência energética para economizar energia.

Crédito: Nando Chiappetta/DP/D.A Press

Detalhe dos vidros da janela – Crédito: Nando Chiappetta/DP/D.A Press

O projeto de restauração do Palácio do Campo das Princesas foi aprovado pelo IPHAN/PE e FUNDARPE, elaborado pelo escritório de arquitetura GRAU e pelo atelier de restauração GRIFO, e executado pela Velatura Restaurações, com apoio da Fundação Roberto Marinho.

Crédito: Nando Chiappetta/DP/D.A Press

Crédito: Nando Chiappetta/DP/D.A Press

VISITAÇÃO

O palácio abre ao público a partir da próxima quinta-feira (20), em dois horários: das 9h às 11h e das 14h às 16h. As visitações serão agendadas pelo e-mail palacio@governadoria.pe.gov.br. Cada visita terá o limite de 75 inscrições.

Author: Cecília Ramos

Share This Post On