Cancelamento do arco viário pode ter sido uma retaliação a Eduardo Campos

Eduardo Campos e Dilma Rousseff - Crédito: Inês Campelo/DP/D. A Press

Eduardo Campos e Dilma Rousseff – Crédito: Inês Campelo/DP/D. A Press

Não há entre os que cercam Eduardo Campos a menor dúvida de que o cancelamento do projeto do Arco Viário da Região metropolitana, foi um gesto de retaliação do governo federal a Pernambuco pela candidatura do governador a presidente. O cancelamento foi assinado pela ministra Ideli Salvatti, mas ninguém acredita que ela não tenha consultado a presidente sobre o tema. É bom lembrar que a obra foi anunciada por Dilma na sua recente visita ao estado. O prejuízo do cancelamento da obra traz bruta prejuízo ao nosso estado.

Author: João Alberto

Share This Post On