O ritual de transmissão de cargo de governador

Nesta sexta-feira, o governador Eduardo Campos vai transmitir o cargo para seu vice João Lyra Neto. A troca de comando acontece com duas solenidades. A primeira, às 16h, na Assembleia Legislativa, onde o presidente do órgão, Guilherme Uchôa, diploma Lyra como governador do estado. Em seguida, segue para ritual no Palácio do Campo das Princesas, marcado para às 17h.

Eduardo Campos e João Lyra na reunião do secretariado, ontem, no Cecon - Crédito: Aluísio Moreira/Divulgação

Eduardo Campos e João Lyra na reunião do secretariado, ontem, no Cecon – Crédito: Aluísio Moreira/Divulgação

Conforme manda a tradição, Eduardo receberá o novo empossado na porta do Palácio, onde fará um discurso de despedida. Em seguida, Lyra o deixa no carro e retorna para o Campo das Princesas onde fará o seu primeiro discurso como governador do estado e receberá os cumprimentos nos jardins. De acordo com o cerimonial, são esperadas cerca de 5 mil pessoas, que serão recebidas com coquetel assinado pela Arcádia, decoração de Robson Chagas e apresentação de atrações culturais.

Eduardo Campos/Eduardo Braga

Eduardo Campos/Eduardo Braga

Com o ato, Eduardo se desincompatibiliza para disputar a Presidência da República. Antes de começar a pré-campanha, tira alguns dias de descanso com a família. Logo depois, vai se mudar para São Paulo, onde ficam os principais colégios eleitorais do país.  Enquanto isso, Lyra governará o estado sem vice. Na sua ausência, quem responderá pelo cargo será o presidente da Alepe, Guilherme Uchoa.

Author: Thayse Boldrini

Share This Post On