As razões de César Borges

Cesar Borges -  Crédito: Fabio Rodrigues Pozzebom/ABr

Cesar Borges – Crédito: Fabio Rodrigues Pozzebom/ABr

Ex-carlista (em outros tempos, foi fiel seguidor de Antonio Carlos Magalhães), Cesar Borges entendeu logo a necessidade de Dilma dispor de seu ministério (Transportes) para usar na negociação com o PR. E logo na mesma conversa, já deixou o gabinete presidencial como novo ministro dos Portos, uma pasta que nem de longe tem a força do que ele ocupava, num acerto que contou com as bênçãos do governador baiano Jaques Wagner.

Author: João Alberto

Share This Post On