Mudança total na seleção brasileira

Luiz Felipe Scolari Foto: WILTON JUNIOR/ESTADÃO CONTEÚDO

Luiz Felipe Scolari Foto: WILTON JUNIOR/ESTADÃO CONTEÚDO

Não foi apenas Felipão, que ganhava R$ 800 mil, que foi demitido da seleção brasileira. Toda sua equipe técnica, igualmente com belos salários, recebeu cartão vermelho, a começar de Carlos Alberto Parrreira.  Também sairam o treinador de goleiros, Carlos Pracidelli, o observador Thiago Larghi, o assistente Murtosa. As grandes surpresas foram a saída do preparador físico Paulo Paixão, do médico José Luiz Runco e do assessor de imprensa Rodrigo Paiva. Os três trabalhavam há muitos anos na seleção. Em resumo: vai haver renovação total na seleção e não apenas a troca do técnico.

Author: João Alberto

Share This Post On