Velório: admiradores e familiares se despedem de Ariano Suassuna

Crédito: Roberto Ramos/DP/D.A Press

Crédito: Roberto Ramos/DP/D.A Press

Familiares, políticos e admiradores do escritor e dramaturgo Ariano Suassuna foram ao Palácio do Campo das Princesas para prestar homenagens ao mestre. O velório foi aberto ao público por volta das 23h29 desta quarta-feira e será encerrado às 15h. Na madrugada, o governador João Lyra conversava com o ex-governador Eduardo Campos. Também prestaram homenagens durante a madrugada, o prefeito de Olinda, Renildo Calheiros, o ex-ministro Fernando Bezerra Coelho e o deputado Raul Henry.

Crédito: Teresa Maia/DP/D.A Press

Crédito: Teresa Maia/DP/D.A Press

As bandeiras do Brasil, de Pernambuco, da UFPE e do Sport cobrem o mestre Ariano Suassuna. Ainda na noite desta quarta, o frei Aloísio Fragoso celebrou uma missa de corpo presente, restrita para a família e amigos do escritor. A área em frente ao Palácio foi interditada para os carros, devido a grande circulação do público ao longo do dia. O sepultamento está marcado para as 16h desta quinta, no Cemitério Morada da Paz, em Paulista.

Crédito: Cecilia Ramos/DP/D.A Press

Crédito: Cecilia Ramos/DP/D.A Press

Nesta manhã, a filha de Ariano, Maria Suassuna, agradeceu a todos os gestos de condolências: “Estamos recebendo carinho de todos os lados. Esse foi o maior legado dele. As pessoas tinham realmente um grande carinho por ele”. Em tempo: Ariano morreu às 17h15 dessa quarta, vítima de uma parada cardíaca. Ele estava internado desde a noite de segunda, no Hospital Português, onde foi submetido a uma cirurgia na mesma noite após sofrer um acidente vascular cerebral (AVC) hemorrágico.

Author: Thayse Boldrini

Share This Post On