A apelação da Mocidade Independente

Impacto de Paulo Barros na Mocidade/Divulgação

Impacto de Paulo Barros na Mocidade/Divulgação

A Mocidade Independente de Padre Miguel, tida como uma das favoritas, saiu do sambódromo, no desfile desta madrugada, sem a esperada aclamação popular, apesar de ter começado seu desfile bastante aplaudida. Neste ano, a escola contratou a peso de ouro o carnavalesco campeão Paulo Barros, que veio da Unidos da Tijuca com a missão de levar a agremiação novamente ao seu auge. Para isso, criou um enredo que lançava a pergunta: “Se o mundo fosse acabar, me diz o que você faria se só te restasse um dia”, inspirado numa música de Moska. A resposta talvez não tenha sido a esperada. A escola trouxe ainda à frente da bateria a cantora Claudia Leitte, estreando na Sapucaí.

Abatida pela chuva, a Mocidade Independente de Padre Miguel fez um desfile sem grandes destaques e no qual as “surpresas” de Paulo Barros surtiram menos impacto do que em outros Carnavais. Em duas alegorias, o carnavalesco ousou ao colocar integrantes semi-nus. Em uma delas, casais e trios simulavam cenas de sexo –a imagem se alternava com “anúncios” de motéis fictícios. Em outra, que representava a estação de trem de Padre Miguel, integrantes surgiam vestidos e tiravam a roupa na frente do público. Apelação pura

 

 

Author: João Alberto

Share This Post On