Faleceu ontem Jorge Sales, uma figura muito querida no nosso trade turístico. Era meu amigo desde pequeno, filho de José Sales Filho, que foi um dos maiores presidentes da história do Internacional. Foi funcionário da Celpe e entrou no turismo, com a Agência Aveloz e se tornou líder do setor. Durante muitos anos presidiu a Abav de Pernambuco e foi diretor nacional da entidade. Com Déa formava um casal muito estimado. Devido à pandemia, seu enterro foi apenas para poucos familiares.

Por coincidência, no meu artigo de hoje no Diario de Pernambuco sobre eventos que o Recife já teve, cito o nome dele:

MIT: Em 2005 Elder Lins Teixeira levou a ideia de uma Mostra Internacional de Turismo no Recife para Jorge Sales, então Presidente da ABAV, que comprou a iniciativa. Um grupo formado pela Abav, ELT Consultoria, Sindetur o Gruponove lançou o projeto, cuja primeira edição foi em 2006, no Centro de Convenções. Objetivo era consolidar a posição de Pernambuco como portão de relacionamento internacional em o turismo europeu e o Nordeste. A primeira versão, foi revestida de sucesso, com mais de mil participantes, praça de alimentação, espaço de feira e área para realização de seminários técnicos, palestras e rodadas de negócios promovidas pelo SEBRAE, sobre temas de interesse do turismo, atraindo empresários, profissionais e dirigente de turismo. Paralelamente à MIT, tivemos no Recife almoços do Clube do Feijão Amigo, comandados pelos seus fundadores, Michel Tuma Ness e Adele Auada. Foi um grande sucesso, mas acabou definhando, e a edição final se realizou junto com a Equipotel Nordeste.

Author: João Alberto

Compartilhe este post

Escreva um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.