Veterinários emitem alerta sobre problemas que o café pode ocasionar aos pets

O Dia Mundial do Café, celebrado em 24 de maio, gera uma série de celebrações, festivais, debates e orientações. Pensando na data, veterinários emitiram alertas sobre os riscos do consumo de café pelos pets. Vale lembrar que os cuidados se estendem para produtos derivados, como sachês de chá, energéticos, comprimidos, balas e grãos torrados.

Para alguns tutores pode parecer inofensivo, mas os profissionais de saúde ressaltam as consequências da junção dos animais de estimação com a cafeína e substância similares, como a teobromina, que pode ser encontrada no chocolate e é caracterizada como “parente” da cafeína. Se o seu medo é que seu pet tenha consumido algumas dessas substâncias sem seu conhecimento ou se você ofereceu sem saber dos riscos, o Mundo Pet separou alguns dos principais sintomas, que surgem em cerca de uma ou duas horas após a ingestão: Tremores, vômitos, inquietação, aceleração dos batimentos cardíacos e/ou ataques epilépticos.

O grau de risco da intoxicação varia de acordo com a quantidade de cafeína ingerida e também do porte e estado físico do seu cachorro ou gato. “Um exemplo prático da diferença que a intoxicação causa, de acordo com o porte do animal, é o de um rottweiller jovem, por exemplo, que terá um grau de resistência muito maior que um pequeno yorkshire”, exemplifica a médica veterinária Karina Melo.

“A partir do momento que algum sintoma seja identificado, você deve levar seu pet o quanto antes a um veterinário”, reforça a profissional. Ainda segundo Dr.Karina, as formas mais comuns de tratamento incluem a indução de vômito, para evitar que a toxina caia na corrente sanguínea, e o uso de carvão ativado, que ajuda a absorver o que restar da toxina no estômago. Mas é possível que outros tipos de medicação sejam necessários para tratar a pressão, estabilizar os batimentos cardíacos e reidratar o seu pet.

Author: Mariane Magno

Compartilhe este post

Escreva um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.