Em busca do vestido de noiva perfeito…

selo a caminho do altar

Crédito: Divulgação/ Domitilia & D’Alessandro

Crédito: Divulgação/ Domitilia & D’Alessandro

Uma vez, a estilista Gloria Coelho, que em 30 anos já vestiu nomes como Costanza Pascolato e Lilian Pacce, disse em entrevista que ao escolher o vestido, a noiva deve pensar em como hamonizá-lo a tudo que planejou para a data. Palavras sábias, afinal, todos os olhares estarão atentos à sua entrada rumo ao altar. A norte-americana Vera Wang, significado de desejo entre as que estão prestes a trocar alianças, foi mais ousada e aconselhou que o segredo para encontrar o vestido de noiva perfeito é experimentar tudo.

Crédito: Divulgação/constancezahn.com

Crédito: Divulgação/constancezahn.com

Foi ela, inclusive, uma das responsáveis pela evolução dos cortes de vestidos, e mais, um caminho novo e mais criativo com cores, sem abrir mão dos tradicionais vestidos brancos. A imagem acima, dica da blogueira especializada em casamento, Constance Zahn,  diz tudo que uma noiva precisa pensar antes de idealizar o modelo para o grande dia:  Local (o vestido deve combinar com o local do evento – cerimônia na igreja, praia ou campo), Estilo (o estilo da noiva – como pessoa, no dia-a-dia – o estilo do casamento (definido pela decoração) e o nível de formalidade do evento) e Corpo (saber valorizar as partes do corpo sem ousar demais).

Eduarda Dubeux preferiu um modelo tomara-que-caia com decote em V nas costas para subir ao altar e trocar o sim com Victor Carvalheira  - Créditos: Nando Chiappetta/DP/D.A Press

Eduarda Dubeux preferiu um modelo tomara-que-caia com decote em V nas costas para subir ao altar e trocar o sim com Victor Carvalheira – Créditos: Nando Chiappetta/DP/D.A Press

Na verdade, não existem regras para o vestido da noiva, e nunca existiu. Isso é mais do que nunca um gosto pessoal da mulher para tornar o dia inesquecível. O que muda, hoje em dia, é que os casamentos estão  mais modernos, as noivas mais autênticas e, respeitando essa evolução, os cortes dos vestidos seguem o gosto e o perfil de quem irá vesti-lo.  Ele pode ser romântico, poderoso ou descolado. O que torna a escolha mais fácil e até um direcionamento melhor aos detalhes é que os estilistas, radicados na cidade, estão sempre de olho nas tendências ditadas nas passarelas internacionais.

Vestido de Camila Coutinho assinado por Patricia Bonaldi - Crédito: Blenda Souto Maior/DP/D.A Press.

Vestido de Camila Coutinho assinado por Patricia Bonaldi – Crédito: Blenda Souto Maior/DP/D.A Press.

A estilista Roberta Imperiano revelou que a maioria dos pedidos que chegam ao seu atelier são de modelos bordados e,  desta vez, com direito a tons prateados para dar um toque de modernidade ao vestido. “O modelo tomara-que-caia já cansou. Já era o tempo que as noivas só vestiam peças sem manga ou com aquela manguinha romântica. Os decotes em V profundo nas costas é o que podemos chamar de tendência que está superemalta para os vestidos de noiva”, disse a estilista.

Mariana Santini apostou em vestido com renda francesa e decote nas costas assinado por Márcio Costa - Crédito: Maria Chaves Fotografia/Divulgação

Mariana Santini apostou em vestido com renda francesa e decote nas costas assinado por Márcio Costa – Crédito: Maria Chaves Fotografia/Divulgação

Os bordados e contraste de tons da estilista Lethicia Bronstein - Crédito: Adriana Spaca/Divulgação

Os bordados e contraste de tons da estilista Lethicia Bronstein – Crédito: Adriana Spaca/Divulgação

Camila da Fonte apostou em gola alta e mangas - Crédito: Paulo Victor Moura/Divulgação

Camila da Fonte apostou em gola alta e mangas – Crédito: Paulo Victor Moura/Divulgação

Vestido assinado por Cyntya Verçosa - Crédito: Gleyson Ramos/Divulgação

Vestido assinado por Cyntya Verçosa – Crédito: Gleyson Ramos/Divulgação

O estilista mineiro, Márcio Costa, no entanto, destaca que as rendas, principalmente as do tipo francesa, ainda são unanimidade entre as pernambucanas  que procuram por um modelo Clássico x Moderno.  Ele defende as mangas longas e os tecidos fluidos para proporcionar conforto à noiva durante toda a festa. Em relação à cor e detalhes, Márcio Costa é bem taxativo: “A noiva vai construindo o vestido. No meu atelier, começamos a partir do forro e aí ela vai imaginando como o modelo pode ficar.  Em relação aos detalhes em cores, eu confesso que não gosto de contraste forte. Um off white em sintonia com  bege é aceitável. O segredo é saber equilibrar os tons”.

Modelos Oscar De La Renta – Fotos: Divulgação/Fashion Casar

Modelos Oscar De La Renta – Fotos: Divulgação/Fashion Casar

A atriz Giovanna Antonelli ousou com um decote profundo e faixa preta na cintura - Crédito: TV Globo/Divulgação

A atriz Giovanna Antonelli ousou com um decote profundo e faixa preta na cintura – Crédito: TV Globo/Divulgação

Os cintos para marcar a cintura e as faixas também ganham espaço, mas cabe às noivas mais modernas adotarem o acessório. A atriz Giovanna Antonelli causou o maior burburinho entre os telespectadores na cena em que troca alianças no último capítulo de Salve Jorge, com um vestido com decote profundo no busto e uma faixa preta na cintura.

Maria Dulce Gayoso aderiu ao cinto em tons de prata para trocar o sim com Marcus Oliveira - Crédito: Nando Chiappetta/DP/D.A Press.

Maria Dulce Gayoso aderiu ao cinto em tons de prata para trocar o sim com Marcus Oliveira – Crédito: Nando Chiappetta/DP/D.A Press.

Modelos assinados por Vera Wang – Fotos: Divulgação/Fashion Casar

Modelos assinados por Vera Wang – Fotos: Divulgação/Fashion Casar

Modelo Lethicia Bronstein com bordados e rendas - Crédito: Divulgação/lethicia.com.br

Modelo Lethicia Bronstein com bordados e rendas – Crédito: Divulgação/lethicia.com.br

Ao contrário do que se pensa, maio pode até ser o mês das noivas, mas é entre novembro e dezembro que elas, vestidas de branco, ocupam os quatro cantos do Recife.  A estilista Lúcia Spessato comprovou que a tradição agora é outra: 70% das encomendas no ateliê são solicitadas entre setembro e dezembro. O motivo? Os casórios estão saindo das igrejas, indo para o campo, praia e lugares mais inusitados. Para isso, o estilista Márcio Costa deu algumas dicas:

Casamento de manhã: tecidos fluidos, leves, vestidos sem muito volume. Pode apostar em renda, renascença, guipir.
Casamento à tarde: pode explorar brilho, frente única, manga curta
Casamento no campo:  modelos com aplicações de texturas no tecido

A noiva conservou o seu estilo e ousou no modelo para seu casamento no campo - Imagens: Jonas Peterson

A noiva conservou o seu estilo e ousou no modelo para seu casamento no campo – Imagens: Jonas Peterson

Casamento na praia: modelo mais despojado e leve, pode ser com renda ou bordado
Casamento à noite: Gola alta, manga comprida, decote e tudo para tornar o modelo mais glamuroso.

Casamento na praia - Créditos: Studio Impressions/Divulgação

Casamento na praia – Créditos: Studio Impressions/Divulgação

Serviço:
Márcio Costa – 3326-7771
Roberta Imperiano – 3327-5379
Lúcia Spessato – 3465-5261
Cyntya Verçosa – 3343-3012
Lethicia Bronstein – (11) 3081 1635

Author: admin

Share This Post On