Artesanato alagoano brilha na Europa

Alpercatas/Divulgação

Alpercatas/Divulgação

 

Mais uma vez, o artesanato alagoano mostra sua força no cenário internacional. Depois da encomenda de cem bolsas de fibra de taboa e das cem alças de couro genuinamente alagoanas, o empresário francês Julien Grandiére volta a solicitar outras peças do Estado. Dessa vez, serão enviadas à França, no dia 25 300 pares de sandálias de couro, que devem integrar a nova coleção da empresa Munñ Paris.

Fruto de um trabalho de divulgação e articulação promovido pela Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo (Sedetur), por meio da Diretoria de Design e Artesanato, o empresário francês visitou alguns municípios do Sertão e cidades como Coruripe, São Miguel dos Milagres e Feliz Deserto, onde conversou com profissionais e observou a capacidade de produção de cada associação. De imediato, o empresário encontrou nesses lugares as características necessárias para os seus produtos.

Realizado por artesãs do município de Batalha, o trabalho de produção das sandálias é assistido pela cadeia produtiva da ovinocaprinocultura de Alagoas. Segundo o gesto do APL (Arranjo Produtivo Local) ovinocaprinocultura no Sertão, Reginaldo Guedes, as parcerias com as empresas a nível mundial promovem novos espaços e autonomia de mercado para os artesãos.

Author: João Alberto

Share This Post On