Dilma dá R$ 8 bilhões para a Prefeitura de São Paulo

Crédito: Ricardo Stuckert/Instituto Lula

Crédito: Ricardo Stuckert/Instituto Lula

Dos R$ 8 bilhões que Lula pediu à presidente Dilma que liberasse para a prefeitura de São Paulo, R$ 3 bilhões foram liberados – e Fernando Haddad terá de se contentar com isso. Hoje, a maior dor de cabeça do ex-presidente é a candidatura de Marta Suplicy, que é boa de voto na periferia da cidade e ganhou o apoio da classe média por ter caído fora do PT. Mesmo assim, Lula acha que consegue manter uma aliança entre PMDB, PDT e PSB em torno da Haddad, que tem apoio de Gabriel Chalita (poderá ser vice) e Luis Antonio de Medeiros, que virou secretário das Subprefeituras.

 

Autor:: João Alberto

Compartilhe este post sobre