Polícia faz operação para prender acusados de racismo contra Taís Araújo

Taís Araújo - Crédito: Reprodução/Facebook

Taís Araújo – Crédito: Reprodução/Facebook

A Polícia Civil faz uma operação em seis estados, hoje, para prender acusados de ataques racistas contra a atriz Taís Araújo. As ofensas aconteceram pelo Facebook, ano passado, e segundo as investigações, teriam sido premeditadas. Vários perfis começaram a comentar em uma foto antiga, por exemplo, falando do cabelo de Taís. Um suspeito menor de idade, tido como o “líder” do grupo, foi apreendido em São Paulo. Ele também teria participado de ofensas contra a jornalista Maria Júlia Coutinho.

Um dos comentários contra a atriz - Crédito: Reprodução/Facebook

Um dos comentários contra a atriz – Crédito: Reprodução/Facebook

Na época do ocorrido, a global chegou a emitir uma nota sobre o assunto: “É muito chato, em 2015, ainda ter que falar sobre isso, mas não podemos nos calar. Na última noite, recebi uma série de ataques racistas na minha página. Absolutamente tudo está registrado e será enviado à Polícia Federal. Eu não vou apagar nenhum desses comentários. Faço questão que todos sintam o mesmo que eu senti: a vergonha de ainda ter gente covarde e pequena neste país, além do sentimento de pena dessa gente tão pobre de espírito. Não vou me intimidar, tampouco abaixar a cabeça”, disse.

Share This Post On