Dezesseis filmes brasileiros estão na disputa por uma indicação ao Oscar

Crédito: Reprodução/Twitter

Crédito: Reprodução/Twitter

Ano que vem pode ser especial para o cinema brasileiro, tendo em vista que cerca de 16 longas nacionais estão tentando uma vaga ao Oscar de melhor filme estrangeiro. Entre as produções da lista divulgada pela Secretaria do Audiovisual, estão Aquarius, do pernambucano Kleber Mendonça Filho, e Chatô – O rei do Brasil, de Guilherme Fontes. A obra será escolhida por uma comissão de pessoas ligadas ao audiovisual e o anúncio será feito no próximo dia 12. A comissão especial do Oscar é formada por Marcos Petrucelli, Adriana Rattes, Luiz Alberto Rodrigues, George Torquato Firmeza, Bruno Barreto, Carla Camurati, Paulo de Tarso Basto Menelau, Silvia Maria Sachs Rabello e Sylvia Regina Bahiense Naves. Como publicado anteriormente, o longa Boi neon, de Gabriel Mascaro, e Mãe só há uma, de Anna Muylaert, estão fora da lista.

Confira a lista completa de filmes:

“Aquarius”, de Kleber Mendonça Filho

“Chatô – O rei do Brasil”, de Guilherme Fontes

“Mais forte que o mundo – A história de José Aldo”, de Afonso Poyart

“Nise – O coração da loucura”, de Roberto Berliner

“Campo Grande”, de Sandra Kogut

“Menino 23: Infâncias perdidas no Brasil”, de Belisário Franca

“Pequeno segredo”, de David Schürmann

“O roubo da taça” de Caíto Ortiz

“A despedida”, de Marcelo Galvão

“O outro lado do paraíso”, de André Ristum

“Uma loucura de mulher”, de Marcus Ligocki Júnior

“Vidas partidas”, de Marcos Schechtman

“Tudo que aprendemos juntos”, de Sérgio Machado

“O começo da vida”, de Estela Renner

“A bruta flor do querer”, de Andradina Azevedo e Dida Andrade

“Até que a casa caia”, de Mauro Giuntini

 

Author: Juliana Freire

Share This Post On