Cidades do interior têm o melhor Índice de Bem Estar de Pernambuco

O Observatório das Metrópoles, coordenado pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, fez um levantamento que revela o Índice de Bem-Estar Urbano das cidades brasileiras. O Recife ficou em 15º entre as capitais, e 2.843º entre os 5.565 municípios do Brasil. Em Pernambuco, a primeira colocada é a cidade de Tuparetama, no Sertão. A nota do Recife foi 0,7758, considerada uma pontuação média pelos critérios do estudo. Já Tuparetama tem índice de 0,879.

Tuparetama foi a primeira colocada em Pernambuco - Crédito: Reprodução da internet

Tuparetama foi a primeira colocada em Pernambuco – Crédito: Reprodução da internet

O índice avaliou cinco quesitos como indicadores de qualidade: mobilidade urbana; condições ambientais (arborização, esgoto a céu aberto, lixo acumulado); condições habitacionais (número de pessoas por domicílio); serviços coletivos urbanos (distribuição de água, saneamento, energia e coleta de lixo); e infraestrutura.

Crédito: Reprodução Facebook/Prefeitura da Cidade do Recife

Recife foi a 15ª colocada entre as capitais – Crédito: Reprodução Facebook/Prefeitura da Cidade do Recife

No Brasil, o indicador que apresentou pior situação foi a infraestrutura. Somente Balneário Camboriú, em Santa Catarina, apresentou uma infraestrutura muito boa. Outros 91,5% dos municípios foram avaliados como ruins ou muito ruins.

Nenhum dos municípios pernambucanos chegou ao top 100 dos mais bem avaliados, já Araçoiaba foi a única a figurar entre os 100 piores. A nota da cidade foi de 0,555. Entre as 10 melhores de Pernambuco, se destacam as cidades do interior, principalmente no Sertão. Veja a lista dos municípios mais bem avaliados no estado:

1 – Tuparetama – 0,879
2 – Cedro – 0,860
3 – Cupira – 0,859
4 – Brejinho – 0,857
5 – Jucati – 0,854
6 – São José do Egito
7 – Carnaíba – 0,853
8 – Santa Cruz da Baixa Verde
9 – Sanharó – 0,843
10 – Itapetim – 0842

Share This Post On