O avião de Michel Temer na viagem à Alemanha

aviao

Para sua viagem vapt-vupt (foi quinta e voltou sábado) a Hamburgo para o G20, o presidente Michel Temer trocou de avião. Em vez do Airbus 319, que tem poucos lugares e mordomias como cama e banheiro, optou pelo Boeing 767 da FAB, com a versão de aviões comerciais, com poltronas de classes executiva e econômica. É que mesmo gastando o dobro do combustível, tem maior autonomia de voo, podendo ir de Brasília a Hamburgo sem escalas, o que seria impossível com a outra aeronave exclusiva da presidência. O presidente, cada vez mais complicado, passou o domingo reunido com políticos e telefonou, em clima de desespero, para Fernando Henrique Cardoso, pedindo para se encontrar com ele. Encontro que vai depender da agenda do ex-presidente que tem viagem programada para a Europa. Principal finalidade será tentar impedir a debandada do PSDB do governo, que se tornou irreversível para muitos analistas políticos. O Boeing 767 usado pelo presidente é alugado pela FAB e utilizado principalmente para o transporte de tropas.

Autor:: João Alberto

Compartilhe este post sobre

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*