Bala disparada acidentalmente por Alec Baldwin era de chumbo

Em entrevista coletiva, o xerife Adan Mendoza, do condado de Santa Fé, responsável pelo caso, afirmou que foram coletadas cerca de 500 balas no set, “uma mistura de cartuchos vazios, falsos e reais”. Foi constatado que o ator Alec Baldwin disparou uma pistola Colt carregada com uma bala de chumbo. O tiro acidental, que aconteceu na quinta-feira passada (21), matou uma diretora de fotografia no set do filme “Rust”, gravado no Novo México. A informação foi divulgada nesta quarta-feira (27) por autoridades americanas, segundo a Reuters.

Outras três armas de fogo, além de peças de roupas e acessórios também foram coletados e encaminhados para um laboratório criminal em Virgínia para análise.”Vamos determinar como (essa munição real) entrou no set, por que estava lá”, disse o xerife. As autoridades disseram que é “fundamental uma investigação completa e exaustiva para fazer uma avaliação”. O projétil foi recuperado do ombro do diretor Joel Souza, também atingido no acidente, e que já teve alta do hospital. A polícia acredita que a mesma bala atingiu Souza e a diretora de fotografia Halyna Hutchins.

Não estão descartas acusações criminais contra Baldwin. “Todas as opções estão sobre a mesa agora”, disse Mary Carmack-Altwies, a promotora distrital de Santa Fé encarregada das investigações. O incidente aconteceu na quinta (21) à tarde durante a gravação do filme “Rust” no Rancho Bonanza Creek, enquanto Baldwin –que protagoniza o filme do qual também é produtor– ensaiava uma cena. A diretora de fotografia Halyna Hutchins, 42, foi ferida e morreu depois em um hospital próximo, enquanto o diretor do filme, Joel Souza, também foi ferido no ombro e recebeu alta no mesmo dia.

Author: Marcela Nunes

Compartilhe este post

Escreva um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.