O Grande Encontro anuncia show em junho, no Classic Hall
mar15

O Grande Encontro anuncia show em junho, no Classic Hall

Alceu Valença, Elba Ramalho e Geraldo Azevedo voltam ao Recife para um segundo show do projeto O Grande Encontro. O primeiro aconteceu em dezembro, e teve todos os ingressos esgotados, deixando muita gente ainda com vontade de assistir o espetáculo. A apresentação está marcada para o dia 2 de junho, no Classic Hall. No repertório, estão músicas como Dia Branco, Táxi Lunar, Morena Tropicana, Belle de Jour, Anunciação, e sucessos dos três artistas. A data de início das vendas de ingressos ainda será anunciada, mas as entradas vão estar disponíveis na bilheteria da casa de shows, nos quiosques do TicketFolia (shoppings Tacaruna, Recife e RioMar) e online através do sites Ticketfolia e Eventim. Os valores também já foram divulgados: R$50 (meia-entrada) e R$100 (pista), R$1000 (mesa premium para quatro pessoas), R$800 (mesa VIP para quatro pessoas) e de R$1200 a R$1600 (camarote para 10...

Saiba tudo que aconteceu durante os quatro dias de Carvalheira na Ladeira
mar01

Saiba tudo que aconteceu durante os quatro dias de Carvalheira na Ladeira

A quarta edição do Carvalheira na Ladeira terminou ontem e se consagrou mais uma vez como uma grande festa durante o Carnaval. Foram quatro dias de shows que foram do frevo ao funk, passando pelo sertanejo e axé. Passaram pelo palco nomes como Anitta, Alceu Valença, Elba Ramalho, Marilia Mendonça, Simone e Simaria, Saulo, Latino e os maestros Spok e Forró. O evento também fez questão de levar agremiações de manifestações culturais como caboclinhos, maracatu, La Ursa e afoxé.  O mestre de cerimônia Caio Braz também foi destaque, com fantasias como Amy Winehouse, Beyoncé grávida e divas do “feminejo”. Confira abaixo todos os detalhes do que aconteceu durante o evento: Sábado (25/02): O primeiro dia do Carvalheira na Ladeira foi aberta por Elba Ramalho, esquentando o clima com músicas clássicas do carnaval, em um show eletrizante com quase duas horas de duração. O cantor Saulo levou o axé para as ladeiras, sem deixar de homenagear os ritmos pernambucanos. Monobloco e o trio de DJs Make U Sweat completaram o dia. Veja a cobertura completa aqui e a galeria de imagens aqui. Domingo (26/02): Um dos dias mais disputados da festa começou com show da SpokFrevo Orquestra que tocou frevo e manguebeat para abrir a tarde. Anitta foi a segunda a entrar no palco e deu show de performance pulando e e dançando todas as coreografias. Marilia Mendonça se apresentou em seguida e até recebeu Paula Fernandes para um dueto. Os DJs Marcelo Botelho & Korossy e show de Dennis encerraram a noite. Veja todos os detalhes clicando aqui e todas as fotos do dia aqui. Segunda-feira (27/02): O terceiro dia do camarote foi marcado por grande euforia. O Maestro Forró e a Timbalada foram os primeiros a se apresentar, já esquentando o público e colocando todos para dançar. Os baianos têm o verdadeiro dom de levar os foliões à loucura usando efeitos especiais como jatos de fumaça e confetes. A atração mais aguardada era a dupla Simone e Simaria, que levaram, mais uma vez, o “feminejo” para Olinda. Veja tudo que aconteceu aqui e a galeria de imagens com todos os cliques neste link. Terça-feira (28/02): O último dia do Carvalheira na Ladeira foi, novamente, um encontro de ritmos. O cantor Léo Verão abriu a festa. Alceu Valença foi uma das estrelas do dia e lançou mão de seu já conhecido, mas infalível repertório carnavalesco, com vários clássicos. O cantor Latino, já conhecido das festas do selo, foi o responsável por animar o público já no fim da tarde. Tecnobrega, e-music e funk também tiveram influência na performance que empolgou a plateia, que copiava as coreografias ensinadas por Latino...

Alceu Valença e Latino animam Carvalheira na Ladeira na despedida do carnaval
fev28

Alceu Valença e Latino animam Carvalheira na Ladeira na despedida do carnaval

Por Larissa Lins O quarto e último dia de Carvalheira na Ladeira, em Olinda, foi animado pelo pernambucano Alceu Valença e pelo carioca Latino, escalados como atrações principais do evento para a despedida do carnaval. Léo Verão, que abriu a festa por volta das 13h, e o DJ Vintage Culture também se apresentaram na tarde desta Terça-feira Gorda, na cidade das ladeiras, Patrimônio Histórico e Cultural da Humanidade. O público estendeu até os últimos minutos a folia de Momo, como se o dia seguinte já não fosse Quarta de Cinzas.  Alceu Valença lançou mão de seu já conhecido, mas infalível repertório carnavalesco, a partir das 14h30. Clássicos como Vampira, Me segura senão eu caio, Bom demais, Morena Tropicana e Voltei, Recife animaram a plateia, além da popular trinca valenciana La Belle Du Jour, Anunciação e Girassol. “É o repertório que faço em todo carnaval. Faço o que eu quero, como quero, ninguém manda em mim. Me orgulho disso. Temos que respeitar a música pernambucana, as nossas tradições, ou elas desaparecerão”, falou Alceu Valença ao Blog João Alberto, minutos antes de subir ao palco. “O carnaval daqui é o melhor do mundo, pela sua autenticidade, pela sua diversidade. Tem frevo, maracatu, caboclinhos, ciranda… O frevo, aliás, está dominando o mundo, está se espalhando pelo Brasil”, avaliou o músico, se referindo a blocos e prévias de carnaval com repertório predominantemente composto por frevos, cuja popularidade vem crescendo, segundo ele, no eixo Sul-Sudeste do país. Alceu aproveitou a animação da plateia para cantar, ainda, uma de suas composições mais recentes, Ciranda da traição, incluída no repertório atual do projeto O Grande Encontro, no qual ele, Geraldo Azevedo e Elba Ramalho dividem o palco, criado há 20 anos e retomado em turnê no ano passado. Ciranda da Rosa Vermelha, outro clássico dos shows carnavalescos de Alceu, foi emendada à nova letra. O artista ainda convidou os presentes a se reencontrarem nesta noite, no Marco Zero, polo principal da folia momesca no Recife, onde ele se apresenta a partir das 22h40. Latino, encarregado de conduzir a festa a partir das 17h, foi pontual: além de faixas da própria trajetória, ele passeou por hits nacionais e internacionais do pop e pop rock. Tecnobrega, e-music e funk também tiveram influência na performance do cantor. Renata, ingrata, Dança kuduro, Festa no Apê e Cátia Catchaça empolgaram a plateia, que copiava as coreografias ensinadas por Latino com ajuda de dois dançarinos.”Se você está aí sozinha, se ele não te dá valor, manda ele para aquele canto!”, incentivava Latino, brincando com o público. “Mas quem está acompanhado, quem está amando, aproveita! Quem vai curtir a noite a dois, aproveita!”,...

Alceu Valença canta na abertura do carnaval em Itamaracá
fev21

Alceu Valença canta na abertura do carnaval em Itamaracá

Alceu Valença vai animar a abertura do carnaval na Praia de Itamaracá, sexta-feira, com show na Praça do Pilar, a partir das 20h30. Ele dividirá o palco com Lia de Itamaracá e Bateria A Cabulosa. No sábado, as atrações confirmadas são Karina Spinelli, Gerlane Lops, Samba Soul Delas, Orquestra Freiviocando, Selma do...

Abertura do carnaval de Olinda terá show de Alceu Valença
fev07

Abertura do carnaval de Olinda terá show de Alceu Valença

Com informações de Juliana Freire Com o tema ” Essa Alegria tem história”, a Prefeitura de Olinda divulga novidades sobre o Carnaval deste ano, em entrevista coletiva, nesta terça feira, no Palácio do Governadores. A abertura do carnaval olindense acontece no próximo dia 23, com show de Alceu Valença,  no palco montado em frente à prefeitura. Além dos 13 polos culturais espalhados pela Cidade Alta, entre eles um palco gospel, um infantil e outro LGBT, a Prefeitura lança um aplicativo para orientar os foliões sobre os festejos. A estrutura também contará com um Camarote da Acessibilidade. Nesta edição, o cantor, compositor e arranjador Erasto Vasconcelos, falecido em 2016, o presidente do Homem da Meia-Noite, Luiz Adolpho Alves são os homenageados. Também será lançado um jingle de Carnaval, que será tocado durante toda a programação, composto pelo Maestro Oséias, Dudu Alves e Roberto Medeiros. João Andrade foi o artista plástico escolhido para decoração da cidade durante a folia. De acordo com o Secretário de Cultura, Afonso Oliveira, o conceito do tema deste ano se refere ao título de patrimônio que a cidade ganhou da Unesco 1982. Uma das grandes novidades deste ano é uma ferramenta que deixa o folião bem informado sobre a festa. O aplicativo Olinda, que terá versões em inglês, português e espanhol, oferece informações sobre atrações, hospedagem, telefones de emergência, localização dos polos, entre outros. A ferramenta já está disponível na PlayStore e, uma semana antes da abertura, poderá ser encontrado também na Apple Store. Já no site do evento está com uma interface nova para facilitar a vida dos foliões com serviços para encontrar documentos, por exemplo.  Segundo o prefeito Professor Lupércio, a festa irá contemplar vários ritmos como Frevo, Samba, Maracatus, Caboclinhos, Coco e outras, para mostrar a riqueza cultural que é a marca de Olinda. Ele também afirmou que o carnaval de 2016 custou R$ 6 milhões aos cofres públicos, mas que em 2017, a intenção dele é reduzir os gastos pela metade. Os detalhes sobre a decoração e o esquema de segurança da festa será divulgado em breve.Salvar Salvar...

Página 1 de 251234Última »